Tendinite Patelar: Lesão no joelho

Postado por Dr.Fábio Costa

 

Tendinite patelar: Saiba o que é essa lesão e como tratá-la

                       Tendinite patelar ou Joelho de Saltador: inflamação que afeta o Joelho

 

 

Descoberta em 1973 pelo Médico Blazina, a Tendinite Patelar, conhecida popularmente como ‘’Joelho de Saltador’’, é uma patologia que acomete principalmente atletas que praticam esportes de alto impacto como Ginástica Artística, Basquete, Vôlei, Corridas de Rua, Futebol, entre outros.

A Tendinite do Saltador compromete o tendão patelar, que liga a patela, ao maior osso da porção inferior das pernas, a tíbia.

Em alguns casos o joelho pode ser rompido por completo, como à lesão sofrida pelo Jogador brasileiro, Ronaldo Fenômeno, que comoveu o mundo inteiro na copa de 2002.

A tendinite, lesiona 20% dos atletas que praticam salto, causando dor no joelho, inflamações e anomalias ósseas quando torna-se crônica. Diante desses sintomas muitas pessoas de forma errada, recorrem à automedicação.

 

 

Muito cuidado! Tomar remédios sem recomendações de um médico é prejudicial para a saúde. Alguns remédios podem aliviar os sintomas em curto prazo, mas isso não significa que o tratamento foi apropriado, pois, esse método pode estar mascarando problemas mais sérios.

 

Principais Sintomas da Tendinite Patelar

 

Os sintomas relatados por pacientes são: dor e sensibilidade nas inserções do tendão, edema, dores ao saltar, caminhar ou dobrar os joelhos e, inflamações.

Caso as dores fiquem mais intensas, sejam elas agudas ou crônicas, é recomendável procurar um especialista, pois, estes podem ser indícios que apontam o processo de calcificação do tendão.

A Tendinite Patelar, segundo Blazina, é dividida em quatro fases:

 

  • 1ª fase – Dor após atividades físicas;
  • 2ª fase – Dor durante as atividades físicas;
  • 3ª fase- Dificuldade para praticar esportes;
  • 4ª fase- O tendão fica sobrecarregado podendo causar fratura por estresse.

 

Como Diagnosticar o Joelho de Saltador?

 

No primeiro contato com o paciente o diagnóstico é clínico, no qual o especialista faz um exame detalhado do joelho para identificar a sensibilidade do tendão.

O Médico poderá solicitar que o paciente corra, salte, agache, para identificar se esses exercícios causam dores. Além de pedir exames de imagem capazes de detectar anomalias no tendão, como Ultrassonografia e Ressonância Magnética.

 

Formas de tratar a Tendinite Patelar

 

A recuperação do paciente se dar por fisioterapia, crioterapia, repouso, diminuição de atividades que causam pressão femoropatelar e, para os casos mais graves, reincidentes ou crônicos, são recomendados tratamentos cirúrgicos.

Porém, cada caso deverá ser tratado e avaliado por um especialista, para que o paciente receba o tratamento correto.

 

Lesão: qual à hora de voltar aos treinos?

 

Durante o processo de reabilitação espera-se que o paciente retorne ao esporte o mais breve possível! Contudo, cada pessoa se recupera em um espaço de tempo diferente, por isso, não existe um período exato para voltar aos treinos! Vale ressaltar que o retorno precoce tende a agravar a lesão, causando danos permantes.

Recomenda-se que o paciente volte a praticar esportes ou atividades físicas, quando conseguir esticar e dobrar a perna sem sentir dor, ter força na perna que sofreu a lesão, não apresentar nenhum edema no joelho, não sentir dor ao correr, entre outros.

 

Como Prevenir a Tendinite Patelar?

A tendinite patelar é comumente causada por desgaste durante atividades como salto ou corrida. A melhor maneira de evitá-la é possuir fortes músculos nas coxas e, um bom alongamento das pernas.

A prevenção também está associada a fatores como bom Preparo Físico para praticar esportes de alto impacto. Além disso, é recomendado que o atleta passe por uma avaliação do aparelho locomotor e realizar atividades físicas ou desportivas com acompanhamento de um profissional da área do esporte.

 

*Com Informações dos sites: Minha vida,Tua Saúde  e GloboEsporte.com

 

Mais Notícias

Entorse de Tornozelo

https://traumatologiaesportiva.com.br/entorse-de-tornozelo/

Lesão do Menisco

https://traumatologiaesportiva.com.br/lesao-do-menisco/

Condromalacia Patelar

https://traumatologiaesportiva.com.br/condromalacia-patelar/

Entorse,contusão e luxação

https://traumatologiaesportiva.com.br/entorse-contusao-e-luxacao/

Veja alguns dos nossos artigos

Infiltração Medicamentosa

  A infiltração Medicamentosa consiste em aplicar uma injeção com medicamentos corticoides, anestésicos ou ácido hialurônico para tratar lesões, inflamações ou reduzir a dor. Este procedimento é feito, na maioria das vezes, em articulações como joelho, coluna, quadril, ombro ou pé, apesar de também poder ser feito em músculos ou tendões. O objetivo da infiltração é tratar a doença no local […]

Osteoartrite

  Conhecida popularmente como artrose, a osteoartrite é uma patologia que acomete as articulações, caracterizada pela degeneração das cartilagens, acompanhada de alterações das estruturas ósseas vizinhas. A osteoartrite é a mais comum das doenças reumáticas: 80% a 90% das pessoas acima de 40 anos já mostram sinais de osteoartrite ao realizar um raio-X. Mulheres e homens são […]

Osteoporose

  A osteoporose, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), é considerada como um dos maiores problemas de saúde no mundo. É uma doença esquelética caracterizada por diminuição da massa óssea e deterioração dos ossos, com consequente aumento da sua fragilidade e suscetibilidade à fratura. A Osteoporose acomete ambos os sexos, no entanto, é mais comum […]

Como Chegar?

Facebook
Instagram